Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

cduriotinto



Quarta-feira, 24.06.09

CDU DEFENDE REBAIXAMENTO DA LINHA FÉRREA NA ESTAÇÃO


Está em consulta pública, até ao próximo dia 30 de Junho, o Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da Quadruplicação da Linha do Minho entre Contumil e Ermesinde.

A intervenção prevista pela REFER não contempla o rebaixamento da linha na Estação de Rio Tinto, solução anunciada há mais de uma década, frustrando assim as expectativas dos riotintenses.

Na envolvente da Estação de Rio Tinto, a linha de caminho de ferro à superfície funciona como uma barreira à coesão urbana do Centro Cívico da cidade, situação que será agravada com o aumento do número de vias.

É convicção da CDU que a quadruplicação do troço Contumil/Ermesinde sem rebaixamento da linha na Estação de Rio Tinto não serve a cidade, já que não tem em consideração a pressão construtiva verificada nas últimas décadas na zona envolvente, que foi perdendo qualidade urbana e ambiental, sendo uma solução que condiciona o futuro deste território municipal.

Para além disso, a solução sem rebaixamento implicará a destruição parcial da Quinta das Freiras, em Rio Tinto e o aumento das vibrações e dos níveis de ruído, entre outros impactes ambientais negativos.

O rebaixamento da linha de caminho de ferro, para além de garantir maior segurança, permitirá a requalificação urbanística da zona envolvente da Estação de Rio Tinto, transformando-a num amplo espaço de usufruto público, e une o tecido urbano da cidade. Ao abrigo das disposições legais e regimentais.

PARA DEBATER ESTE ASSUNTO, A CDU – RIO TINTO CONVIDA-OS A PARTICIPAR NA INICIATIVA ANUNCIADA.

Estarão presentes entre outros Honório Novo, deputado do PCP, Cristina Nogueira, Candidadata à Câmara Municipal de Gondomar e Adérito Machado, Candidato à Junta de Freguesia de Rio Tinto.

CDU / RIO TINTO

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cduriotinto às 19:05



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




adermacchado